Bloco M3-38 / Questão 09

Início Fóruns Módulo 3 Bloco M3-38 Bloco M3-38 / Questão 09

Visualizando 7 posts - 1 até 7 (de 7 do total)
  • Autor
    Posts
  • #40003295577
    AvatarEstudante CTA
    Participante

    professor saudações !! eu li e reli até entender cada passo da sua explicação nessa questão, indo pela lógica de resistores, T1 vai ser polarizado conforme a tensão em seu coletor (realimentação )… se a tensão em seu coletor sobe devido ao aumento da resistência de T2, a AMPLITUDE do sinal que é medida em Volts não deveria aumentar ??? o que eu preciso saber dessa questão é, se tem outra variável que eu não consigo ver, porque estou com dificuldade nesta matéria e seria de muita ajuda esta questão

    #40003295578

    Como exemplo, quando temos uma tensão média de 9V, podemos ter uma amplitude que varia de 6V até no máximo 12V (senoide). Caso a tensão de coletor vá para 10V, poderemos ter no máximo variação de 8V até 12V, o que representa uma redução de amplitude. Mas para este circuito de RF (alta frequência) a tensão média do coletor de T1 nao sai de 12V (devido à resistência muito baixa de L3), mas o que ocorrerá nas variações será a mesma. Veja que se aumenta a resistência de T2 e T1, haverá menor corrente por L3 e isso fará com que a auto-indução ocorrida diminuirá, ou seja, se tínhamos antes 4Vpp (+14Vp e +10Vp), para manter a média de 12V, com a diminuição da corrente haverá uma diminuição da amplitude ficando mais oou menos +13Vp a +11Vp (2Vpp).
    Um grande abraço. Mário Pinheiro

    #40003295579
    AvatarEstudante CTA
    Participante

    Mário me explique porque caso o R7 abra, a frequencia aumenta, o transistor T2 ficará sem a pré polarização e… Desde já agradeço, Cristian

    #40003295580

    Caso o resistor R7 abra, haverá a despolarizaçao do transistor T2 e isso fará com que a resistência de seu coletor seja muito alta. Apesar disso, temos o resistor R4 que permanecerá polarizando o emissor de T1, mesmo que seja com uma menor polarização. Isso significará que o transistor continuando a ser polarizado, continuará com a oscilação, mas com uma tensão maior de coletor e uma amplitude menor de variação.
    Um grande abraço. Mário Pinheiro

    #40003295581
    AvatarEstudante CTA
    Participante

    Bom dia Mario. Não pude acompanhar a aula 10, que diz sobre a modulação em amplitude. Sobre este circuito, vejo que temos uma entrada de sinal de áudio que excitará o transistor T2. Conforme a variação de frequência de AF, teremos maior ou menor polarização de T2, que aumentará ou diminuirá a tensão de coletor de T1. Até onde entendi para este circuito, se a frequência de AF é menor, teremos um sinal modulado em AM com maior amplitude, mas a frequência da portadora permanece constante. Para ter uma polarização de T2, o sinal de AF também terá uma variação de amplitude. A variação de amplitude é diretamente proporcional a variação de frequência de AF? Agradeço pelos esclarecimentos. Edson

    #40003295582

    Você está confundindo variação de amplitude com frequência. Veja que o sinal de baixa frequência de áudio (AF) está entrando na base de T2, polarizando-o mais ou menos e essa polarização de T2 irá alterar a amplificação do transistor T1. Quanto mais T2 é polarizado (semiciclo positivo do sinal AF), maior será a polarização para o transistor T1 abaixando a tensão de coletor e permitindo assim, uma maior variação pico a pico do sinal. Como a questão diz que o R7 abriu, não haverá polarização para o transistor T2, mas ainda assim, o transistort T1 ficará polarizado por R4, mas no caso, bem menos que anteriormente. Isso fará com que a tensão média de coletor de T1 suba e claro, haverá menor nível na portadora (sinal AM) no coletor de T1 e claro, sem variações na amplitude.
    Um grande abraço. Mário Pinheiro
    Um gra

    #40003274753

    Bloco M3-38 / Questão 09

Visualizando 7 posts - 1 até 7 (de 7 do total)
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.